Blog

Guia completo de como pagar menos impostos

Guia completo de como pagar menos impostos

Está cansado de ver todo o seu suado dinheiro se esvair em impostos e mais impostos? Que tal dar um basta nessa situação? Nós preparamos um guia completo de como pagar menos impostos. Afirmar que a carga tributaria brasileira é pesada trata-se de algo que já se tornou lugar comum. Em todas as classes e.

Decreto antecipa o recolhimento de ICMS

Decreto antecipa o recolhimento de ICMS

Com mais contas a pagar que dinheiro na reta final do ano, o governo gaúcho apelou agora para a antecipação de receitas do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS). Decreto publicado ontem no Diário Oficial do Estado (DOE) altera datas de recolhimento do tributo por indústrias e comércio. É a primeira vez em quatro.

REINF – CONHEÇA A NOVA OBRIGAÇÃO DO SISTEMA DE ESCRITURAÇÃO DIGITAL

REINF – CONHEÇA A NOVA OBRIGAÇÃO DO SISTEMA DE ESCRITURAÇÃO DIGITAL

A EFD- Reinf – Escrituração Fiscal Digital de Retenções e Outras informações fiscais é um novo módulo do SPED (Sistema Público de Escrituração Digital) e, também complemento do eSocial. Com a EFD-Reinf será eliminada a necessidade de prestar as mesmas informações em declarações diversas, como a GFIP e a DIRF. O principal foco da REINF.

Novas informações sobre o parcelamento do Simples Nacional

Novas informações sobre o parcelamento do Simples Nacional

Foi publicada, no DOU desta segunda-feira (04.06.2018), a Instrução Normativa RFB n° 1.808/2018, que dispõe sobre o Pert-SN (Programa Especial de Regularização Tributária – Simples Nacional) no âmbito da Receita Federal, instituído pela Lei Complementar n° 162/2018. Poderão ser parcelados os débitos vencidos até 29.12.2017, apurados na forma do Regime Especial Unificado de Arrecadação de.

Receita libera programa do Imposto de Renda 2018

Receita libera programa do Imposto de Renda 2018

A Receita Federal liberou, nesta segunda-feira (26), o programa gerador do Imposto de Renda da Pessoa Física, ano-calendário 2017. Com isso, o contribuinte já pode baixar o programa para fazer a declaração. No entanto, só poderá enviá-la ao Fisco a partir do dia 1º de março. O prazo de entrega se estende até 30 de.

Confira Instrução Normativa sobre obrigatoriedade de prestação de informações à RFB relativas a operações em espécie

INSTRUÇÃO NORMATIVA RFB N° 1.761, DE 20 DE NOVEMBRO DE 2017 (DOU de 21.11.2017) Dispõe sobre a obrigatoriedade de prestação de informações à Secretaria da Receita Federal do Brasil (RFB) relativas a operações liquidadas em espécie. Esta Instrução Normativa institui, para fatos geradores ocorridos a partir de 01.01.2018, a Declaração de Operações Liquidadas com Moeda.

Empresas podem agendar adesão ao Simples Nacional

A partir do próximo ano o teto de faturamento das micro e pequenas empresas será de R$ 4,8 milhões As micro e pequenas empresas já podem pedir o agendamento de adesão ao Simples Nacional para 2018. Elas têm até o dia 28 de dezembro para entrar no site do Simples Nacional e agendar a solicitação..

Algumas empresas devem pagar menos imposto no Simples, em 2018

A partir do ano que vem, as empresas brasileiras devem pagar menos imposto pelo Simples Nacional. Uma mudança radical na regra institui novas fórmulas e uma reorganização da classificação das empresas. As alíquotas atualizadas devem favorecer, principalmente, as empresas menores, com faturamento anual inferior a R$ 360 mil. É o Novo Simples Nacional. Criado em.

Adesão ao Refis poderá ser feita até 29 de setembro

O presidente da República em exercício, Rodrigo Maia, editou medida provisória (MP) prorrogando o prazo de adesão ao novo refinanciamento de dívidas de empresários com a Receita Federal para o próximo dia 29 de setembro. Os líderes da Câmara dos Deputados estão em busca de acordo para votar a proposta até a semana que vem.

Revogada MP que reduzia setores abrangidos pela desoneração da folha

Em edição extra, foi publicada no Diário Oficial desta quarta-feira (09/08) a Medida Provisória 794/2017 para revogar, dentre outras MPs, a Medida Provisória 774/2017. A partir de 1 de julho de 2017, diversos setores deixariam de contribuir sobre a receita bruta, voltando a contribuir sobre a folha de pagamento. Com a revogação da MP 774/2017,.