Vencendo em tempos de crise

Vencendo em tempos de crise

“Momentos de crise sempre existiram e sempre existirão. Portanto, é preciso adequar-se a elas e tirar o melhor proveito possível”, afirma o Sócio DSC00772Diretor da Bonna Consultores Associados, Aldori Paulo Bona, durante o Encontro de Atualização “Vencendo em tempos de crise”, realizada no dia nove de julho. O encontro, motivado pelo atual momento de crise na política e na economia do Brasil, reuniu mais de cem clientes com o intuito de analisar este cenário e, assim, avaliar as ações estratégicas para as empresas se prepararem e superarem as dificuldades, de acordo com suas realidades, tanto locais quanto de mercado.
Bona avalia que talvez seja o momento de retardar alguns investimentos e adiar as decisões que envolvam a expansão de negócios onerosos. “O momento é de avaliação. Saber como se preparar para enfrentar a crise é o primeiro passo para garantir a sobrevivência do negócio para que, após os momentos difíceis, seja possível largar com força total”. Os tempos de crise são desafiadores e as empresas que conseguem se adaptar aos novos paradigmas permanece e se fortalecem. Porém, as que não conseguem ou não querem se adaptar acabam falindo.
“Passei por diversas crises ao longo de tantos anos e sempre aprendi muito com cada uma delas. Mas a principal lição, com certeza, é que não é hora de desistir, mas sim de se organizar para sair fortalecido e em outro patamar de equilíbrio”, contou o Fundador do Grupo Agrimec, Odilo Pedro Marion.
Outro convidado a compartilhar sua experiência empreendedora foi o presidente do Sindicato das Empresas Metalúrgicas, Mecânicas e de Material Elétrico de Santa Maria (SIMMMAE), Julio Kirchhof, que considera os períodos de crise como uma possibilidade de crescimento. “A crise nos tira da zona de conforto. A dificuldade nos faz perceber a necessidade de fazer algo diferente, de buscar novos mercados e nos unir neste processo para que possamos reunir esforços e estratégias para nos fortalecermos”.

Enfrentar a crise

“Coloquei em minha loja o seguinte cartaz: ‘Aqui não existe crise. Existe solução’. É isso que eu quero acreditar e o que quero passar aos meus colaboradores, para que cada um faça a sua parte e que a dificuldade não nos afete ou nos desmotive”. As palavras do diretor da Comercial Léo Materiais de Construção, Leo Valter Retzlaff, vão ao encontro de uma das principais dicas do Encontro de Atualização da Bonna Consultores: não aceite a crise. Para Bona, parte do fracasso está na inércia e naquele destrutivo sentimento de autopiedade de alguns empreendedores. Segundo ele, este é o momento de não criar barreiras a mudanças. “Uma das boas lições que se pode extrair de uma crise econômica é o incentivo à criatividade”, aconselha Bona.

 
Avalie e construa a estratégia adequada à sua realidade:

– Reduzir o grau de endividamento, pois as taxas de juros estão altas e possuem a tendência de se elevarem ainda mais;

– Prepare-se para uma redução de vendas, principalmente, dos produtos e serviços não essenciais;

– Adeque sua projeção de vendas reduzidas ajustando os custos;

– Este é um momento de adaptações e planejamento interno;

– Revisão imediata do seu mix de produtos e elimine aqueles que não trazem giro de estoque;

– Invista em marketing e em ações integradas que melhorem a imagem da empresa;

– Evite o desperdício, fundamentalmente, o desperdício de tempo. Otimize os processos e recursos humanos.

 

Fonte: Intensa Comunicação